23/06/2017

Os Grandes Leem aos Pequenos

Tal como indica o nome da atividade, também ao longo deste ano letivo “os grandes leitores” leram para “os pequenos ouvintes”.
Esta atividade bissemanal e que envolve todos os alunos da escola registou novamente elevado nível de adesão, dado que, quer leitores, quer ouvintes marcaram presença assídua na biblioteca nos intervalos das terças e quartas-feiras.

Foram momentos de partilha de leituras em que esta assume o seu verdadeiro papel de incentivo à criatividade,  ao prazer de ler e à comunicação.

Leitores do 2.º Período



Leitores do 3.º Período


Ler na Cadeira do Rei

Com muito entusiasmo, muito interesse e alguma ansiedade e nervosismo, todos os alunos do 2.º ano de escolaridade tiveram a oportunidade de ler na Cadeira do Rei.
Para alguns inesquecível, para outros fantástica ou mesmo incrível, mas sobretudo para todos muito estimulante e enriquecedora.


Leitores do 2.º Período 



Os alunos quiseram deixar patente nos seus testemunhos a sua participação nesta atividade e dos quais aqui fica uma amostra:

Eu gostei muito de ler na cadeira do rei pois foi muito divertido e achei muito giro.
O livro que escolhi foi “ A minha irmã”.
Também gostei muito de ouvir ler a Beatriz Borges porque ela leu muito bem e com boa entoação. Adorei ler na cadeira do rei.

Sara Fernandes 2.º A

Eu gostei de ler na cadeira do rei mas não gostei da coroa e a roupa fazia um bocadinho de calor, mas isso não é importante. O que importa é que eu gostei e acho que devia continuar porque é espetacular.
O livro que eu li chamava-se “Moranguinha e a patinagem no gelo. Era um livro muito bonito e também gostei de ouvir os meus colegas a ler.

Sofia Pinho 2.º A

Foi fantástica a ideia de ler na cadeira do rei: ouvir os colegas a ler e as professoras da biblioteca a ensinar-nos como é que as histórias estão organizadas nas prateleiras.
Gosto de todas as atividades da biblioteca mas a minha preferida é a Cadeira do Rei porque gostei muito de ler para os colegas.
Gostei e sempre gostarei da biblioteca.

Margarida 2.º A

Acho que a cadeira do rei é uma atividade interessante onde podemos ouvir histórias maravilhosas lidas pelos colegas.
É sempre uma surpresa ao pensarmos que as histórias podem ser aborrecidas mas no final vemos que afinal são sempre divertidas.
Gostei muito de ler na cadeira do rei porque desenvolvemos a leitura e damos asas à nossa imaginação.

Ariana Ferreira 2.º A

Na cadeira do rei senti-me bem, gostei muito de ler para os meus colegas e também gostei de ouvir os meus colegas porque leram muito bem histórias muito bonitas.
Adorei e gostava de repetir porque ler é muito importante.

Beatriz Pimentel 2.º A
Eu penso que a atividade de ler na cadeira do rei é muito útil porque aprendemos a ler melhor, também aprendemos coisas novas e a portar-nos bem.

Simão Pinho 2.º C

Estar na cadeira do rei foi muito especial. Senti-me como uma rainha.

Eva 2.ºB

Eu gostei da cadeira do rei porque me senti muito importante nesse dia
Eu adorei porque me senti muito bem e poderosa quando me sentei na cadeira no rei.

Miriam 2.ºB

Eu gostei da cadeira do rei porque foi nesse momento que eu senti que era a rainha da leitura.

Mariana 2.ºB

Quando me sentei na cadeira do rei, usei os meus poderes para ultrapassar a minha vergonha de ler em frente ao público que era a minha turma.

Luís 2.ºB

Eu penso que a atividade da cadeira do rei é divertida porque gosto de ouvir ler outros colegas.

Patrícia Costa 2.º C

Eu penso que esta atividade correu muito bem, mas alguns meninos portaram-se mal.
Nestas atividades pratica-se a leitura e fica-se a conhecer outras histórias que não conhecíamos. Eu acho que esta atividade devia continuar.

Pedro Rua 2.º C

Eu acho que esta atividade +e boa porque os meninos se habituam a ler para outras pessoas sem ser só na sala de aula. Também ajuda a ter conhecimento de outras histórias.

Ana Luísa 2.º C

Eu pensava que era uma coisa difícil, mas enganei-me porque afinal é muito divertido.
Quando eu li estava um bocadinho nervosa mas depois acalmei e correu-me bem.
Quando leram os meus colegas também foi um bocadinho divertido.

Laura Santos 2.º D

Eu acho que a cadeira do rei não foi só especial para mim mas também foi para os meus colegas.
Eu gostei de ler e também de ouvir ler os colegas porque treinámos melhor a leitura.
Eu estava um bocadinho nervoso mas depois passaram-me os nervos e li bem. O meu livro era “Um lobo culto”.

Alfredo Daniel 2.º D

Eu gostei de ler na cadeira do rei, porque eu não gostava muito de ler e quando li na cadeira do rei percebi que ler é muito importante.

Gabriel Alves 2.º D

Eu quando li cadeira do rei senti-me uma rainha e que era eu que mandava. Gostei muito da história que li e gostei de a ler aos meus colegas.
Primeiro senti dificuldades mas depois fui lendo e desapareceram as dificuldades.
Adorei fazer as perguntas e deixar os meus colegas responderem.
Gostei da avaliação que os meus colegas me fizeram e adorei as coisas bonitas que me disseram.

Luísa Diaz 2.º D

É fantástico e incrível poder ler na cadeira do rei para os colegas porque é uma coisa que não acontece todos os dias.
Eu gostei do meu livro que se chamava “Porque é que eu sou tão pequeno”. Ler para os colegas foi uma das melhores coisas que eu fiz.

Tiago Alves 2.º D       

Eu gosto muito da cadeira do rei, porque podemos ouvir as vozes diferentes e desfrutar de outras histórias que nós nunca lemos.
Também gosto da parte das perguntas, porque assim sabemos que temos que estar mais concentrados no que o rei leu para depois respondermos bem.
Quando li na cadeira do rei gostei muito que os meus colegas me ouvissem com atenção.

Martim Santos 2.º E

O que eu penso sobre a cadeira do rei á que ajuda os meninos que ainda soletram a ler muito bem.
Para mim foi especial porque estamos à frente de um público que é a nossa turma.

Maria Ledo 2.º E

Eu adorava ler 1000 vezes na cadeira do rei e acho que não sou a única.
Gostei de ser responsável pela leitura da história e pelas perguntas. Parecia que estava numa viagem.

Beatriz Rebelo 2.º E

Eu adorei estar na cadeira do rei porque foi um momento único que vou guardar para sempre.
Gostava de repetir esta actividade.

Maria Vales 2.º E

Eu gostei muito de estar na cadeira do rei porque nunca experimentei ler uma história parra outras pessoas. Foi bom ter a responsabilidade de treinar muito bem uma história mas estava um bocadinho nervoso.
 Simão 2.º E

Leitores do 3.º Período






22/06/2017

Conta-nos uma História - Podcast na Educação

O nosso Agrupamento concorreu, à 8.ª edição do concurso “Conta-nos uma história!" Podcast na Educação, promovida pelo Ministério da Educação e Ciência (MEC), na categoria áudio, apresentando no total 11 trabalhos.

Todos os concursos tem a sua vertente pedagógica, este para além de contribuir para a aquisição de conhecimentos, competências e valores, também incentiva à utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação ( TIC), no nosso caso, a gravação de áudio digital.

Verificámos que, os nossos alunos gostam de realizar as gravações, tornam o momento como uma experiência muito divertida e importante, na medida em que conseguem ouvir a sua voz reproduzida.

As histórias vencedoras podem ser consultadas no site da ERTE.

Parabéns a todos os alunos e docentes que se envolveram nesta iniciativa. Os Podcast apresentados pela Escola Básica de Santa Cruz Trindade ficam disponibilizados no nosso blogue, ou podem ser ouvidos clicando aqui.

Escola Básica de Santa Cruz Trindade

Pré-escolar

Sala 3


1.º Ciclo

Turma 1.º A



Turma 1.º B



Turma 1.º D


Turma 2.º A



Turma 2.º B



Turma 2.º C



Turma 2.º D




Turma 2.º E




Turma 3.ºB


Turma 4.º A



20/06/2017

Concurso Ler PraZer - Ler p'ra Ser

O nosso Agrupamento participou no concurso  Ler Prazer - Ler p'ra Ser, enquadrado na  11.ª Edição da Semana da Leitura.
Este concurso convidava os alunos/turmas  à criação de trabalhos originais que ilustrassem a singularidade do ato e do gosto de ler.
A lista dos participantes pode consultada no site do PNL e a dos vencedores aqui.



Parabéns aos alunos e professora  da turma do 4.º A pelos trabalhos que foram  apresentados a concurso.

Agentes da PSP continuam a ler as histórias do Falco…

No dia 30 de maio, pelas 11h 15m, estiveram presentes, uma vez mais, os agentes da PSP Humberto Terra e Flávio Gonçalves, a ler uma história da série Eu faço como diz o Falco, A Pulseira das Conchas, para os alunos do 3.º A.
Estes contos retratam situações quotidianas das crianças e têm como objetivo aconselhar e a identificar comportamentos, perante situações imprevistas. Os alunos estiveram com muita atenção e no final levantaram algumas questões sobre a temática da história e a pulseira do ESTOU AQUI. Foram informados que para obter esta pulseira terão que entrar no site da Polícia, preencher o formulário com os seus dados, para que no caso de algum dia estarem perdidos, alguém os possa ajudar.
E o conselho mais importante:
Se tiveres algum problema e vires um polícia,
não te esqueças que podes SEMPRE contar com a sua ajuda.

Obrigada e bem hajam!

02/06/2017

XLIX Encontro de Leitura

Realizou-se no dia 26 de maio o XLIX Encontro de Leitura com o tema Mistérios. Cada sala teve autonomia para escolher o conteúdo a desenvolver e a explorar, bem como cada leitor presente.
Iniciou o encontro a professora Natália Rodrigues que deu  a palavra aos alunos, verdadeiros protagonistas deste evento,  sem deixar de fazer um apelo a todos os encarregados de educação no sentido de proporcionarem aos seus filhos momentos de leitura, porque, como diz o ditado Uma história por dia, nem sabem o bem que vos fazia.
No final, foram dados os parabéns a todos os que fizeram o momento possível, por todo o esforço e dedicação, e os agradecimentos aos pais/ encarregados de educação presentes por acompanharem os  filhos/educandos neste evento de expressão da leitura.
Relembramos algumas palavras finais, bastante importantes, de conselhos aos alunos   O caminho nem sempre é fácil. Às vezes, sentimos que não somos capazes de chegar onde queremos. Nunca desistam, sonhem alto, o mais alto que puderem e apontem sempre para a lua, porque se caírem, cairão entre as estrelas.

Muito obrigada a todos!                                   

 
A leitura é uma necessidade biológica da espécie. Nenhum ecrã e nenhuma tecnologia conseguirão suprimir a necessidade da leitura tradicional.
Humberto Eco